O enriquecimento das Igrejas e a Lepra

O enriquecimento das Igrejas e a Lepra

Eliseu é o profeta mais poderoso da Bíblia, sem dúvida.

“Então Eliseu morreu e foi sepultado.

Ora, topas moabitas costumavam entrar no país a cada primavera. Certa vez, enquanto alguns israelenses sepultavam um homem, viram de repente uma dessas tropas; então jogaram o corpo do homem no túmulo de Eliseu e fugiram. Assim que o cadáver encostou nos ossos de Eliseu, o homem voltou à vida e se levantou;” 2 Reis 13:20-21.

Certa vez, Naamã, um oficial Sírio muito poderoso pelos feitos contra Israel ficou doente, com lepra. Havia uma menina israelita cativa vivendo com sua esposa e ela comentou: “Se o meu senhor procurasse o profeta que está em Samaria, ele o curaria da lepra” ( 2 Reis 5:2 ). Esta era uma época triste para Israel: o Rei de Israel era Jorão e ele não era fiel a Deus. O Rei da Síria, Ben-Hadade, enviou uma carta ao Rei Jorão através desta menina ordenando a cura de seu oficial. Jorão temia profundamente Ben-Hadade e ficou aturdido com a carta: “Por acaso sou Deus, capaz de conceder vida ou morte? Por que este homem me envia alguém para que eu o cure da lepra?” 2 Reis 5:7 . Eliseu soube da atitude de Jorão: “Por que rasgaste tuas vestes? Envia o homem a mim, e ele saberá que há profeta em Israel!” 2 Reis 5:8 .

O fato é que Eliseu nem se deu ao trabalho de olhar no rosto de Naamã e através de um mensageiro deu instruções  e este ficou curado. Naamã ficou maravilhado e quis doar diversos bens a Eliseu que recusou: “Juro pelo nome do Senhor, a quem sirvo, que nada aceitarei” 2 Reis 5:16 .

Naamã e toda sua comitiva foram embora mas Geazi, servo de Eliseu ficou indignado. Ele queria os bens recusados por Eliseu e achou que poderia enganar a todos. Correu atrás da comitiva e através de mentiras recebeu prata e roupas finas.

Eliseu pelo Espírito Santo disse:

Você acha que eu não estava com você em espírito quando o homem desceu da carruagem para encontrar-se com você? Este não era o momento de aceitar pratas nem roupas, nem de cobiçar olivais, vinhas, ovelhas, bois, servos ou servas. Pois a lepra de Naamã atingirá você e os seus descendentes para sempre. 2 Reis 5:26 .

O que o profeta Eliseu nos ensina? Que através de ações dignas convertemos as pessoas, pois está escrito: “Agora sei que não há Deus em nenhum outro lugar, senão em Israel”. 2 Reis 5:15 .

Por que Eliseu recusou os bens de Naamã, oficial de Ben-Hadade, inimigo de Israel? Oras, Eliseu mesmo disse: “há o momento de aceitar pratas… cobiçar…” O próprio Ben-Hadade havia sido derrotado anos antes pelo Rei de Israel Acabe por três primaveras seguidas ( 1 Reis 20: 1): o rei Ben-Hadade, da Síria, convocou todo o seu exército e, acompanhado de trinta e dois reis com seus cavalos e carros de guerra, cercou e atacou Samaria” (Samaria era capital de Israel na época). Um profeta foi ao encontro de Acabe e disse: “Vê este exército enorme? Hoje eu o entregarei nas suas mãos, e então você saberá que eu sou o Senhor”. 1 Reis 20:13. Israel destroçou os Sírios: ” o rei de Israel avançou e matou os cavalos e destruiu os carros de guerra e infligiu pesadas baixas aos arameus.” 1 Reis 20:21 . Pois é este o momento de cobiçar e colher despojos: na vitória através de Deus e não através de dons e curas feitas pelo próprio Deus ainda que para nossos inimigos. Quando se viu que Jesus aceitou dinheiro quando curou o filho do oficial romano ( João 4:50 “Jesus respondeu: Pode ir. O seu filho continuará vivo”  ). Qual foi o milagre de Jesus que foi recompensado com dinheiro? Quando Eliseu precisou de dinheiro ou bens as suas necessidades eram sanadas:

“Sirva a todos, pois assim diz o Senhor: Eles comerão e ainda sobrará” 2 Reis 4: 43 e em outro lugar:

“Sirvam a todos”. E já não havia mais perigo no caldeirão 2 Reis 4:41 – no epísódio “a morte na panela”.

Isto significa que os servos de Deus nunca passarão dificuldades, fome ou sede? É certo que não. Elias, profeta que cedeu seus poderes a Eliseu passou 40 dias no deserto e ficou à beira da morte. O mesmo ocorreu com Jesus. As dificuldades são algo temporário e precisam ser superadas, sem se entregar aos falsos benefícios.

Quando Silas Malafaia e várias Igrejas enriquecem e o povo empobrece é sinal claro de que a lepra os contaminou. Por que assim como Geasi, servo de Eliseu, não perdeu os bens que recebeu, também várias igrejas não empobreceram mas a Lepra as contaminou. Silas Malafaia ao ser questionado pela polícia federal porque recebeu extraordinária doação de um empresário disse que isto era normal. Comentou que continuaria a receber cada vez mais. Basta analisar o crescimento das igrejas no país e o declínio econômico dos mais pobres: a Lepra moral chegou nas Igrejas. O povo está longe de usufruir da riqueza que as corrompeu.

Alessandro Marlos é engenheiro e proprietário da empresa GlobalEAD – Criação de conteúdo para EAD e plataformas de ensino a distância.

Related Posts

0 comments

Leave your reply

*" value="" aria-required='true' />
*" value="" aria-required='true' />