O que significa a parábola do Joio (Mateus 13 24-29)

O que significa a parábola do Joio (Mateus 13 24-29)

O que significa a parábola do Joio (Mateus 13 24-29)

o que quer dizer a parábola do Joio (mateus 13 24-29)?

Parábola do Joio
Jesus o julgador

Jesus estava pregando para grande multidão e falava a todos por parábolas e propôs a interessante parábola do joio, tentando talvez ensinar como discernir entre os bons e os maus.

 Propôs-lhes outra parábola, dizendo: O reino dos céus é semelhante ao homem que semeia a boa semente no seu campo;

Mas, dormindo os homens, veio o seu inimigo, e semeou joio no meio do trigo, e retirou-se.

E, quando a erva cresceu e frutificou, apareceu também o joio.

E os servos do pai de família, indo ter com ele, disseram-lhe: Senhor, não semeaste tu, no teu campo, boa semente? Por que tem, então, joio?

E ele lhes disse: Um inimigo é quem fez isso. E os servos lhe disseram: Queres pois que vamos arrancá-lo?

Ele, porém, lhes disse: Não; para que, ao colher o joio, não arranqueis também o trigo com ele.

Deixai crescer ambos juntos até à ceifa; e, por ocasião da ceifa, direi aos ceifeiros: Colhei primeiro o joio, e atai-o em molhos para o queimar; mas, o trigo, ajuntai-o no meu celeiro.
Mateus 13:24-30

Um dos possíveis significados dessa parábola é que nossos filhos são lançados a este mundo para serem bons, mas ao menor vacilo o demônio lança as más influências, as drogas e a perdição. É um bom motivo para estarmos sempre atentos, não deixando brechas para o maligno. É por isso que Jesus diz várias vezes nos Evangelhos: “Vigiai”.

Outro ponto importante é que Deus não ceifa de uma vez o mal e isto também tem explicação.  Quando não somos maduros cometemos muitos erros, assim como também comete todo dia o maligno. Para que não sejamos confundidos com o maligno e não sermos ceifados, Jesus não nos arranca pela raiz. Pelo contrário, espera que nós amadureçamos e tomemos nossa decisão de ir para o lado certo ou errado. A “espera” de Jesus Cristo até nossa maturidade também é sinal de grande misericórdia. Ele ‘nos permite’ errar para nos dar tempo de arrependimento e sejamos salvos no tempo oportuno.

Assim, devemos aprender a não julgar os outros, principalmente apressadamente. Muitas vezes a pessoa está apenas amadurecendo e não sabe o que faz. Erra por ignorância. Além do mais, um só é o julgador: Jesus Cristo.

Então bons e maus caminham lado a lado até o “fim”. Naquele dia todos estarão preparados para o julgamento e cada um saberá o seu destino. Os maus para a presença do fogo do inferno e os bons para a presença do Senhor e das suas maravilhas.

Related Posts

9 comments

  • Anderson

    Anderson

    Responder

    QUE DEUS TENHA MISERICORDIA E QUE NOS DE DOM DE ARREPENDIMENTO.

  • ednaldo costa

    ednaldo costa

    Responder

    Q deus perdoe os meus pecados(peco oracao…).

  • andre

    gostei dos ponto de vista
    e o principio de genesis bem
    e o mal o que devemos escolher mais gostaria de compartilhar mais pontos de vistas de outros assuntos espero contatos dos irmaos
    amem

  • Carlos

    Carlos

    Responder

    Daqui vou ler na Bíblia essa parábola e encherme do espírito de Deus.. God bless you

  • uilessandro

    uilessandro

    Responder

    na ora e no momento certo DEUS vai separar o seu grande povo a sua nação eleita.

  • Raimundo

    Raimundo

    Responder

    Muito bom o texto sobre a comparação que Jesus faz sobre o Reino de DEUS. Muito edificante.

  • Santos

    Santos

    Responder

    A respeito do joio, já que não se pode tirar o joio em sua fase de pouco tempo do plantio por causa da aparência com o trigo, ele continua sendo gemeio na fase adulta com o trigo. Pois, bem como se pode tirar você de você mesmo, se tudo que você de certo ou errado é você gêmeos trigo e joio.
    Viver a vida toda e esperar tempo para consertar ( arrepender ). Errar é errar, pecar é pecar, não se deve se inocentar-se por que isso e por que aquelo. Os outros animais não se defende de nada, assume seus riscos, mas o homem, nunca ele é, não foi e, nem será culpado por seus erros. sempre alguém faz alguma coisa boa ou ruim por ele, e ele é um objeto mobilizado, como se fosse um boneco dado vida para viver.
    Acorda, levanta e vai assumir seus atos e fatos, envés de condenar os outros as coisas. Quando o homem se dar o prazer a se próprio de assumir o que faz ou o que deixou de fazer ele é um DEUS.

  • Rudney jose zeferino

    Rudney jose zeferino

    Responder

    a paz de Deus alguém pode me ajudar a mais a mais o menos um ano atrás o senhor jesus me chamou nas aguas do santo batismo uma semana depois eu vi uma nuvem negra entrando em to sofrendo com mal em min Deus tirou o espirito dele de min e o inimigo entrou to orando já faz um ano ecnao conssigo me liverta dissso me sinto endemoniado me ajudem se poderem que Deus abençoe a todos

Leave your reply

*" value="" aria-required='true' />
*" value="" aria-required='true' />